Saturday, November 12, 2011

CONVERSANDO CON AMORIM, DE BRASIL Por Francisco Puñal Suárez

Carlos Alberto da Costa Amorim nasceu no Rio de Janeiro em 1964 ecomeçou a publicar seus trabalhos no semanário humorístico Pasquim, em 1984. De 1990 a 1997 trabalhou como chargista diário do Jornal dos Sports (Rio-RJ). Atualmente produz e distribui charges editoriais, caricaturas, ilustrações equadrinhos para dezenas de jornais do país, entre eles o Correio do Povo (PortoAlegre -RS), Diário do Vale (Volta Redonda- RJ) e Tribuna do Norte (Apucarana-PR), além de revistas, websites e agências de propaganda. Produziutextos humorísticos em 1994 e, em 2004, foi selecionado para fazer parte dos Plim-plins da Rede Globo de Televisão. É autor do livro de cartuns Canastra Suja e entre suas atividades destacam-se, ainda, a de webdesign, sendoresponsável por diversos sites na Web. Por sua relação de clientes já passaram empresas como a Petrobras, Banco do Brasil, Banco DaimierChrysler S.A, Embratel, Empresa de Correios e Telégrafos, IBM,White Martins, Laboratórios Abbott, Associação Brasileira de Imprensa, EditoraAbril, Caminho Aéreo do Pão de Açúcar e Unimed-Rio.

Seus trabalhos foram expostos e premiados em dezenas de eventos, tais como o Salão Internacional de Humor/ 2004 (Teresina/ Brasil), Prêmio Internacional de Humor Gráfico Peloduro/ 2004 (Minas- Uruguai), Ranan Lurie Cartoon Awards/2001 (NewYork- EUA), Turismovision/2001 (Stuttgart - Alemanha), Festival Acquaviva NeiFumetti /1999 (Acquaviva Picena-Italia), International Cartoon Exhibition /1998(Hokkaido-Japão), Bienal Internacional de Humor/1995 (Havana-Cuba) e participa regularmente de Salões e Exposições de Humor na França, Bélgica, Bulgária,Polônia, Portugal, México, Macedônia, Rússia, Turquia, Iran, Israel, Hungria,Itália, Cuba e Japão.
Expôs individualmente no Museu Nacional de Belas Artes/1999 (Rio de Janeiro-Brasil),no Museu do Ingá/1993 (Niterói-Brasil) e em 1997 participou como membro do Jurido III Biennial of International Cartoon Exhibition, na cidade de Teerã, no Iran. Em 2004 participou como membro do Juri (via Internet) do Obeid Zakani InternationalCartoon Contest (Tabriz-Iran). Em 2004 e 2007 foi convidado a participar do Rencontre Internationale du Dessin de Presse, como palestrante e expositor, nacidade de Carquefou, França. Em 2009foi membro do Júri do 29° Nasreddin Hodja Cartoon Contest em Istambul, Turquia.
Ilustrou diversos livros infantis e ministrou de 1994 a 2002 o Curso de Desenho de Humorno Senai/Artes Gráficas (Rio de Janeiro-Brasil). EM 2004 ministrou o Curso deDesenho de Humor e Quadrinhos no Senac Rio (Rio de Janeiro-Brasil)

Tu imaginación es desbordante...¿Desde niño eras así? ¿Leías novelas de Julio Verne? ¿Cómo sedesarrolla en ti esa creatividad?
Acho que sempre fui assim, na verdade nem acho muito transbordante minha imaginação. O que gosto realmente é desenhar Humor. Desde pequeño, sempre colocava uma personagem mais nariguda, barriguda, com cara de idiota… Julio Verne só fui conhecer bem depois, ou seja, acredito que não tenha influênciado em nada. Criatividade, para mim, é treino. Estou sempre anotando em um pedaço de papel as coisa que vem à cabeça, as boas e as ruins. Depois na hora eu filtro as mais adequadas. Isso durante anos, daí vem a facilidade…
 ¿Qué estudios ha realizado?
Cheguei a cursar três períodos de Sociologia, sendo que na maioria das aulas não compareci por achar uma completa perda de tempo.Nessa época já trabalha em jornal e vi que tudo o que fizesse em paralelo atrapalharia meus cartuns. Abandonei solenemente a faculdade e nunca me arrependi .

¿Cómo te iniciaste en estearte de la caricatura? ¿Por qué le gusta dibujar?
Nunca pensei “porque gosto de desenhar”. Simplesmente desenho desde que me conheço. Uma coisa normal para mim. Rabiscava completamente os cadernos da escola. O tempo passou e comecei a encarar essa coisa que sempre fiz como uma possibilidade de sustento. Comecei a me informar sobre o que é essa tal profissão é essa de ”cartunista”. Logicamente tudo muito difícil (tempos sem internet...) e quando dou por mim, já trabalho nisso há 27 anos.
Dónde y cuándocomenzaste a publicar tus dibujos?
Comecei a publicar meus trabalhos no semanário Pasquim, daqui do Rio deJaneiro, em 1984.
¿Qué  aspectos de la realidad teinteresan dibujar en tus ilustraciones editoriales?
Gosto de tentar mostrar ao leitor, por A+B, que o destino da humanidade é errar, fazer tudo de forma errada. Mas essa não é uma visão sem esperança. Na verdade é tentar mostrar o quanto pretensiosos nós somos, quão vaidosos somos, e que no final alcançamos sempre os mesmos resultados. Afinal no dia que atingirmos a perfeição automaticamente deixaremos de ser humanos.
¿Por qué es importante el humor yla sátira en la sociedad?
Hoje em dia não acho tanto quanto eu achava. Continua sendo importante para mim, mas para a sociedade a Educação é muito mais importante. Talvez aí o Humor entra como  uma das ferramentas a serem utilizadas (talvez). Mas a mudança de uma sociedade basicamente (e principalmente) acontecerá pela Educação.
El absurdo, la poesía, la crítica, la ironía están presentes en sus dibujos...¿por qué?
Porque é essa a rotina do ser humano. Seu DNA. Desvincular esses pontos é tirar-lhe a alma, o que o potencializa como pessoa. É o erro, a análise, o aprendizado e a superação, o choque entre pretensão e realidade.
¿Dónde publicas actualmente?
Atualmente eu mesmo distribuo e comercializo meus cartuns em dezenas de jornais, de revistas do país. E tenho o www.amorimcartoons.com.bronde os leitores podem acompanhar mais de perto meu trabalho.

Comments: Post a Comment

Links to this post:

Create a Link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?